Para economizar, UFBA irá funcionar em horário especial durante o recesso

Download PDF

A UFBA irá funcionar em horário especial, das 7h30 às 13h30, entre os dias 08 de julho e 02 de agosto, período que corresponde ao recesso entre os semestres letivos.

O objetivo dessa medida emergencial, adotada em caráter excepcional pela administração central da Universidade, é reduzir custos, em especial com água e energia elétrica, num cenário em que mais da metade do orçamento da UFBA para o ano de 2019 encontra-se inacessível – 30% estão bloqueados (ou seja, o crédito está indisponível no sistema orçamentário federal) e 22% estão contingenciados (o crédito está previsto, mas sem data para ser liberado) pelo Ministério da Educação.

Sem poder contar com recursos a que tem direito, por lei, para custear a despesa com itens básicos de funcionamento, a UFBA não tem alternativa: terá que economizar ainda mais radicalmente com esses serviços, cujo consumo, muito embora reduzido e controlado nos últimos cinco anos, graças a esforços de manutenção preventiva e combate a desperdícios, ainda representa cerca de 20% do custeio da universidade, por conta da disparada das tarifas e do recente ciclo de expansão da oferta de vagas e da área construída.

“Enquanto não for revertido o bloqueio, a regularidade de nosso funcionamento pleno precisa ser repensada de modo emergencial. A UFBA precisará, mais do que nunca, estar preparada para enfrentar uma dura travessia. É fundamental então nossa unidade na aplicação de medidas imediatas de contenção de despesas”, afirma o reitor João Carlos Salles.

Eventos fora do horário especial terão que ser reprogramados pelas respectivas unidades. A portaria 082/2019, que estabelece as regras da medida, prevê exceções, como, por exemplo, a matrícula presencial dos alunos de graduação e pós-graduação, que acontecerá normalmente, de 22 a 26 de julho. Também ficam de fora laboratórios que realizem pesquisas e serviços essenciais que não possam ser interrompidos e a prestação de serviços de tecnologia da informação.

Outra exceção é o Restaurante Universitário (RU), que não deixará de atender aos estudantes. O RU e os pontos de distribuição de refeições funcionarão em horário a ser definido pela Pró-reitoria de Assistência Estudantil e Ações Afirmativas, como já ocorre em períodos de recesso. Também ficará mantido o horário normal dos serviços de segurança dos campi.

Espera-se que a adoção do horário especial resulte em uma economia global significativa, especialmente na conta de energia elétrica, que tem tarifa sete vezes mais cara das 18h às 21h. Mesmo durante o dia, a recomendação é que a comunidade universitária racionalize ao máximo o uso de equipamentos de alto consumo, como, por exemplo, os de ar condicionado.

Leia a portaria.

Leia mais:

UFBA: sempre viva e presente!

Entenda como o bloqueio impacta o já apertado orçamento da UFBA

Orçamento apertado obrigará a UFBA a adotar medidas emergenciais de contenção de despesas

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*
*
Website