Comunidade universitária se prepara para a Campus Party Bahia

Download PDF
Impressora 3D edit

Impressora 3D criada pelo estudante Jorge Batista

Seja com a realização de uma maratona de programação ou com os últimos ajustes de detalhes técnicos para o funcionamento de invenções tecnológicas, a comunidade UFBA se prepara para levar suas contribuições a um dos maiores eventos mundiais de inovação e tecnologia, que acontecerá em Salvador, nos próximos dias 09 a 13 de agosto: a Campus Party Bahia (CPBA).

Com o objetivo de antecipar as experiências e mobilizar para a CPBA, no fim de semana dos dias 03 e 04 de junho, hackers, programadores, designers e empreendedores digitais de vários segmentos estarão reunidos no campus de Ondina para um desafio de tecnologia, na forma de maratona de programação – o Desafio Bahia Hackathon “Respeita as Mina”. A atividade, que promoverá o desenvolvimento de projetos inovadores por meio de tecnologias digitais, premiará soluções que estimulem a proteção à mulher e é organizada pelo Departamento de Ciência da Computação, pela Escola de Administração (NPGA-EAUFBA), pelo Programa Meninas Digitais – Regional Bahia e pela Secretaria de Ciência, Tecnologia e Inovação (SECTI) do Governo do Estado da Bahia.  Os três melhores projetos receberão ingressos para a Campus e mentorias. Mais informações no site www.hackathon.ufba.br.

Inventores

Multi CNC edit

Multi-CNC, também criado por Jorge

Entre os inventores, o estudante Jorge Batista, ex-aluno do Bacharelado Interdisciplinar em Ciência e Tecnologia, está às voltas com os últimos detalhes de suas máquinas CNC (Controle Numérico Computacional), desenvolvidas com o apoio do Espaço de Criação e Inovação Digital – IHACLab-i, localizado no PAF 5 e coordenado pela professora Sílvia Caldeira. Jorge conta que irá apresentar na Campus Party três projetos desenvolvidos por ele de máquinas CNC – que são operadas por Controle Numérico Computacional para produzir objetos a partir de modelos ou instruções geradas no computador – uma Impressora 3D, um Multi-CNC e uma Fresadora CNC.

Para a criação das máquinas, o estudante valeu-se da infraestrutura do Espaço do IHACLab-i e de alguns insumos adquiridos por ele em lojas de eletrônicos e informática, informou a professora Sílvia, atestando a qualidade das invenções, que acredita serem comercializáveis, desde que o estudante encontre meios de viabilização econômica. Pensando nessa oportunidade, Jorge apresentará o seu projeto de Impressora 3D na Campus Party com o “objetivo de aprimorar o modelo construído para gerar um produto na faixa de preço em torno dos R$ 2,5 mil, mas bem superior aos modelos mais baratos e de baixa qualidade no mercado, que começam na faixa de R$ 2mil”. A mesma intenção vale para as outras criações, o Multi-CNC e a Fresadora CNC, cuja ideia surgiu a partir da experiência de usar uma fresadora (equipamento usado para cortar materiais pesados, como madeira ou metais) comum morando em apartamento e tendo que lidar com dois problemas muito grandes – o barulho alto que a máquina produz e grande quantidade de pó que gera. Como precisava de solução para os dois incômodos, o estudante idealizou sua própria Fresadora-CNC.

Fresadora edit

Fresadora 3D pode se tornar competitiva no mercado

A vocação de Jorge para tecnologia vem de longa data, pois antes mesmo de ingressar na UFBA, no primeiro semestre de 2013, ele já “mexia” com programação e eletrônica. Como estudante do BI de Ciência & Tecnologia, o jovem concentrou a maioria das matérias nas áreas da Ciência da Computação e Engenharia Elétrica. No final do penúltimo semestre, ele conheceu o IHACLab-i, que possui algumas máquinas CNC disponíveis para utilizar em projetos e prototipagem. Jorge conta, empolgado, que passou a frequentar o espaço e descobriu que no semestre seguinte teria uma disciplina sobre fabricação digital, ministrada ali mesmo, para ensinar justamente como operar as máquinas. Ele matriculou-se, cursou e, como projeto de avaliação final na matéria, escolheu construir uma impressora 3D.

Ao longo do processo, Jorge tomou gosto pelas máquinas CNC e surgiu o interesse de empreender, fabricando e vendendo suas próprias máquinas, que contam com a aprovação técnica da coordenadora do IHACLab-i. Ao mesmo tempo em que cursará Engenharia Mecânica, como graduação em progressão linear na UFBA, o estudante dará continuidade às suas invenções e à busca por viabilização para torná-las comercializáveis no mercado de tecnologia.

Comunidade UFBA na Campus Party

Qualquer integrante da comunidade UFBA que trabalhe com inovações tecnológicas pode levar trabalhos para apresentar, expor ou buscar parcerias de viabilização, na Campus Party Bahia. Para saber tirar dúvidas sobre a participação, todas as tardes das quartas-feiras acontecem reuniões para esclarecimentos e mobilização, no IHACLab-i, no PAF 5, no campus de Ondina.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*
*
Website