Zaffaroni: sentenças são atos políticos e têm efeito social

Download PDF

O professor Eugenio Raúl Zaffaroni, juiz da Corte Interamericana de Direitos Humanos e professor emérito da Universidade de Buenos Aires, Argentina, falou à TV UFBA sobre a penalização excessiva no Brasil (700 mil presos, 600 mil mandados de prisão não cumpridos, mais outros 700 mil envolvidos em processo penal), onde o sistema penal tornou-se a estrutura jurídica central do país. Ele aborda o poder político das corporações transnacionais no continente e o discurso de vingança dos grandes meios de comunicação. “Vivemos num projeto de sociedade do totalitarismo corporativo e vivemos um processo de regressão dos direitos humanos em todo o continente, onde nossas universidades estão sendo agredidas financeiramente”. Lembra que sentenças são atos políticos. “Quem as pratica tem que saber o efeito social do ato”.
Ficha Técnica
Produção e Reportagem
Gisele Santana
Produção Operacional
Dan Hudson
Imagens
João Paulo Garcia
Edição
Dan Hudson
Operador de Som
Dan Hudson
Videografismo
Nívia Anunciação
Coordenação
Mariluce Moura

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*
*
Website