Milton Porsani é um dos 16 novos membros titulares da Academia Brasileira de Ciências

Download PDF

Milton José Porsani, professor do Instituto de Geociências da UFBA e uma referência da pesquisa brasileira em geofísica de petróleo, é dos 16 novos membros titulares da Academia Brasileira de Ciências (ABC), conforme anúncio do resultado das eleições feito pelo presidente Luiz Davidovich na quarta-feira, 6 de dezembro. A posse vai acontecer em maio próximo

Porsani 2“Recebi a notícia de minha eleição com muita satisfação e alegria. Compartilho com prazer junto à comunidade da UFBA esse reconhecimento e distinção pelo  trabalho de pesquisador e professor. Espero poder contribuir com as atividades da ABC em prol do desenvolvimento da ciência e da tecnologia deste nosso vasto e complicado pais”, comentou Porsani.

Formado em geologia e em educação pela Universidade de São Paulo (USP), mestre em Geofísica pela Universidade Federal do Pará (UFPA) e doutor em Geofísica pela UFBA, Milton Porsani fez um pós-doutoramento no Instituto de Geofísica da Universidade do Texas. Desde 1994 é coordenador do Programa de Exploração de Petróleo do Centro de Pesquisa em Geofísica e Geologia (CPGG) e, desde 2000, é professor titular na disciplina Exploração de Petróleo na UFBA.

Em 2004, foi um dos líderes na formação do Centro Interdisciplinar em Energia e Ambiente (Cienam) e, em 2009, passou a coordenar o novo Instituto Nacional de Ciência e Tecnologia em Geofísica do Petróleo (INCT-GP), que voltou a ser selecionado em 2014 para integrar esse programa e foi confirmado em 2016 como um dos seis INCTs da UFBA .

Porsani 3

Porsani e equipe

Pesquisador nível 1A do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico (CNPq) desde 2004, membro titular da Academia de Ciências da Bahia desde 2011, Porsani recebeu em agosto deste ano o prêmio Nero Passos, durante o 15º Congresso Internacional da Sociedade Brasileira de Geofísica, em reconhecimento à qualidade de suas contribuições acadêmicas.

O professor Porsani publicou 61 artigos completos em periódicos indexados nacionais e internacionais, 208 trabalhos completos em anais de congressos, um livro e 3 capítulos de livros. Sua atuação profissional tem sido de grande importância na articulação de grupos de pesquisadores da própria UFBA, das universidades federais do Pará e do Rio Grande do Norte (UFPA e UFRN), Universidade Estadual de Campinas (Unicamp) e Universidade Estadual do Norte Fluminense (UENF) que atuam na pesquisa e na formação de recursos humanos para as áreas de geofísica aplicada, energia e ambiente.

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *

*
*
Website